Inteligência artificial e segurança eletrônica

O termo inteligência artificial (em inglês Artificial Intelligence – AI) não é algo muito novo como muitos pensam: surgiu em meados de 1970. Mas somente na Era Digital, que vivemos atualmente foi que a inteligência artificial começou a ganhar força e fazer parte do dia a dia da sociedade.

A inteligência artificial está presente tanto no ramo empresarial como no residencial, proporcionando diversos benefícios e facilidades para quem faz uso da tecnologia.

E muitas vezes nem percebemos que estamos fazendo o uso dessa tecnologia, ela simplesmente passa despercebida por nós, não acredita? Vou te provar que é verdade a partir de agora!

8 exemplos de Inteligência artificial no dia a dia

•          E-mail

•          Redes Sociais

•          Serviços de Streaming

•          Google

•          E-commerce

•          Aplicativo de GPS

•          Atendimento ao cliente

•          Segurança


Um procurado pela INTERPOL anda pelas ruas disfarçado, usa óculos escuros e mudou a cor do cabelo, a aparência razoavelmente diferente do dia do seu último delito, meses atrás. Passa tranquilamente pela polícia que faz a guarda da região e segue para seu destino.

Alguns metros depois, o indivíduo entra em uma rodoviária com a intenção de viajar para o interior, o que ele não sabe é que aquele local conta com câmeras e servidores que possuem algoritmos de Inteligência Artificial para fazer o reconhecimento facial.

Quando ele passa por uma dessas câmeras, seu rosto é identificado em questão de segundos em meio à multidão e é alertado que o meliante está no banco de dados da polícia que é imediatamente avisada e parte para o local, o abordando e dando voz de prisão ao sujeito.

Essa descrição parece cena de filme de ficção, não é mesmo?! Mas não é! Essa é uma realidade que acontece hoje e todos os dias.

A inteligência artificial não é novidade, surgiu em meados de 1970 e sua descrição pode variar de acordo com a busca, mas o que você precisa entender é que se trata de: autonomia e adaptação.

Um equipamento com inteligência artificial tem o poder de executar funções sem intervenção direta de um ser humano e também de melhorar sua função baseado em experiências.

O uso de algoritmos nas tomadas de decisão tem se tornado cada vez mais frequentes e presentes nas rotinas das companhias.

Com o avanço da pandemia e consequentemente do isolamento social, tem acelerado mais este processo da transformação digital das organizações, segundo dados da Morning Consult, entrevistas foram feitas com profissionais de TI de diversas empresas do Brasil e segundo o estudo mais de 40% das empresas implementaram ferramentas e equipamentos de inteligência artificial neste ultimo ano.

A inteligência artificial tem sido aplicada em diversos segmentos e em larga escala em diferentes segmentos, como por exemplo:  cuidados de saúde, educação, moda, industrial, segurança cibernética e a que vamos falar neste artigo, segurança eletrônica.

A inteligência da segurança eletrônica

As “analises de vídeo” são erradamente chamadas de inteligência artificial, mas essa inteligência possui limitações e mesmo que representem um enorme passo no que se refere ao desempenho dos equipamentos, não são modernos o bastante para que o sistema “aprenda” a fazer ou que “se ajustem” de acordo com o ambiente.

Além disso, quando se trata de quantidades altas de dados e estatísticas, os equipamentos que não possuem a inteligência artificial são muito limitados e demoram um tempo consideravelmente longo para processar as informações, mostrando uma certa dificuldade de lidar com o volume de dados.

E é pensando nisso que o avanço da inteligência artificial está mudando o que conhecemos por CFTV e segurança eletrônica.

Antes da inteligência, o poder de fogo dos sistemas era ligado aos seus tamanhos e hoje a tecnologia já vem embarcada na câmera.

As câmeras IP já vêm equipadas com processadores com capacidade de rodar algoritmos complexos como o de fazer o reconhecimento facial.

Existem as câmeras termográficas, que foram muito usadas na pandemia. Essa câmera que por meio do infravermelho (IR/ Infra Red) converte para faixa visível de espectro permitindo que possamos ver o calor do objeto.

Em servidores, principalmente os de nuvem, já são equipados com a capacidade de análise de toneladas de dados, em caso de imagens pode permitir e ajudar encontrar pessoas desaparecidas, por exemplo caso elas tenham passado por câmeras e até mesmo prever tumultos antes que aconteçam realmente.

A inteligência artificial está revolucionando os sistemas de vídeo vigilância.

Inteligência artificial na segurança

Nós vivemos na era dos dados e temos um grande privilegio por isso. Os avanços da tecnologia nos permitem fazer coisas que anos atrás não era possível.

Com o uso dos algoritmos próprios da inteligência artificial é possível monitorar milhões de partidas nos aeroportos, onde existe uma ampla possibilidade de violação de segurança. Também é possível fazer análises dos dados e comportamentos mais otimizadas, o que auxilia a polícia em seu trabalho.

A inteligência artificial não só aumenta a segurança dos locais, ela também gera outro efeito positivo como a de uma checagem rápida e diminuição de filas.

Vamos te mostrar algumas outras aplicações da inteligência artificial.

Aplicações de inteligência artificial na segurança eletrônica

Como dizemos, felizmente a IA não é mais cena de filme de ficção.

O mundo moderno nos promete uma serie de possibilidade então vamos conhecer algumas delas.

Reconhecimento facial

O reconhecimento facial se tornou comum no mercado de segurança, e estão se tornando cada vez mais presentes na tecnologia como um todo. Empresas utilizam para o controle de entrada em setores mais específicos, como o financeiro por exemplo.

Uma das modalidades de controles de acesso é o leitor visual, que também pode ser chamado de leitor biométrico facial.

A Intelbras e sua linha future, tem equipamentos de última tecnologia que fazem o reconhecimento facial, e também equipamentos que fazem detecção de pessoas, o que são coisas distintas.

E também a inteligência artificial de detectar a face em poucos segundos e fazer a medição de temperatura, esse é o SS 7520 FACE T, ele analisa a face com máscara e sem o uso da mesma, o que é primordial nessa pandemia e tem a capacidade de armazenar 100 mil faces!

O que proporciona segurança, eficácia e rapidez no controle.

Câmeras inteligentes

As câmeras inteligentes são muito usadas em rodovias e aeroportos, hoje existem câmeras que são capazes de fazer: contagem de pessoas, medição de temperatura corporal, leitura de placa de carro.

Algumas câmeras fazem a busca forense, que é seguir um objeto depois que ele passa de uma determinada linha. Pode ser um carro, uma pessoa, um objeto. A inteligência artificial das câmeras IP está em constante evolução e promete nos entregar ainda mais recursos.

Controle de acesso

A tecnologia é uma grande aliada das empresas, com o controle de acesso, além de controlar entradas e saídas de pessoas também proporciona uma sensação de segurança no local.

As inteligências contidas nos aparelhos utilizados geram relatórios e controlam todas as entradas e saídas do local instalado, podendo ser utilizado em diversos ambientes.

Cartão de proximidade

É um dispositivo magnético que tem como função arquivar informações, que podem ser nome e número de identificação, em casos de empresas liberando o acesso ou até mesmo limitando o acesso de determinadas pessoas a lugares previamente definidos.

Além disso é possível armazenar os acessos de cada cartão em um banco de dados.

Existem diversos modelos de cartão de proximidade, mas o que realmente importa na hora da escolha é a sua frequência, para que seja compatível com os equipamentos do lugar que será usado.

Aqui citei apenas alguns de tantos meios em que a inteligência atua na segurança eletrônica, temos também o uso de senhas, biometrias, etc.

Benefícios da inteligência artificial

A inteligência artificial é empregada para identificar e combater diversas situações de risco.

A ferramenta pode analisar uma vasta quantidade de informações e prever acidentes de transito, por exemplo, sabendo o histórico de determinada região. Com essas informações é possível prevenir os motoristas.

Não é nenhuma novidade a transmissão de vídeos pelas câmeras. Porém a analise inteligente de vídeo permite que seja identificado atividades suspeitas. Com a possibilidade de criar linhas que quando ultrapassadas detectem o movimento e emitam um alarme para a central de segurança.

É possível ainda escolher se esse sinal vai ecoar quando o objeto passar somente em uma direção, ou em qualquer direção.

A inteligência artificial pode ser usada em diversos modos, em sistemas de monitoramento de câmeras, onde você pode acompanhar por aplicativos em seu celular (mas isso é outro artigo), em sensores de movimento facilitando o monitoramento de casas e grandes empresas.

Além de também ser muito útil em projetos que auxiliam encontrar pessoas desaparecidas.

Com a união e cruzamento de dados com imagens, é possível uma busca mais assertiva com maiores chances de sucesso.

O mundo em que vivemos está evoluindo constantemente, e infelizmente a criminalidade também acompanha o desenvolvimento.

As ferramentas de inteligência artificial irão se tornar essenciais no combate ao crime, todos os equipamentos que contamos aqui e muitos outros com certeza.

E aí, o que você acha que vai ser o grande diferencial do futuro? E um futuro não muito distante de equipamentos tão tecnológicos.

Conte para nós aqui nos comentários a sua opinião e compartilhe com os amigos para que debatam sobre um assunto tão atual e futurista.

Ah, e se quiser saber mais sobre os equipamentos de inteligência artificial, entre em contato conosco, temos um mundo novo para te apresentar!

Home Office: O novo jeito de trabalhar!

Entenda o que é, como fazer e seus benefícios.

A prática do home office vem se tornando mais forte e presente no dia a dia das empresas. Nos Estados Unidos, cerca de 40% dos trabalhadores adotaram esse método e a tendência é que esse número venha a crescer nos próximos anos.

Ao contrário do que muitos pensam, trabalhar em casa não é algo novo.

No ano de 1970 o termo teletrabalho começou a ganhar força e teve como causador a crise do petróleo, o que atingiu profundamente a economia mundial da época. 

Os custos de deslocamento prejudicavam as finanças das empresas, portanto as empresas começaram a adotar o trabalho em casa, ou como hoje chamamos: Home Office. E a medida foi adotada como a solução mais econômica que a época exigia. 

Nos anos 2000, no modernismo funcional, o trabalhador saía de sua zona residencial e ia para a zona comercial de sua cidade. O trânsito da época, permitia que isso ocorresse de forma prática.

Hoje, com o trânsito caótico das cidades e grande quantidade de moradores, o IBOPE (2008) realizou uma pesquisa que mostrou que em média 63% dos paulistanos levam cerca de 3 horas de deslocamento até seus trabalhos, escolas ou universidades. 

Alvin Toffler, em 1980 já profetizava em seu best-seller “A Terceira Onda” que a tecnologia permitiria que as pessoas voltassem a trabalhar em casa. Com o fim da era industrial e o início da era da informação, o home office passou a ser uma tendência e já era realidade para 58 milhões de pessoas em todo o mundo em 2011, segundo dados do IDC (International Data Corporation). 

No Brasil, estatísticas apontam que 4,5 milhões de pessoas trabalhavam no modelo Home Office. (Jornal Nacional/2009) 

Foto: A evolução

O que é Home Office?

O home office é basicamente permitir que o colaborador trabalhe de qualquer lugar, desde que ele tenha algumas ferramentas como:

  • Telefone
  • Internet
  • Computador

A prática está ganhando espaço com mais empresas se adaptando ao cenário, empresas estão enxergando a possibilidade de reduzir o estresse das equipes e aumentar a produtividade dos colaboradores. De acordo com a Evolking Workforce, 54% dos brasileiros acreditam ser mais produtivos trabalhando em home office.

O maior banco privado do Brasil, Itaú, divulgou dados de que cerca de cinco mil funcionários exercem o home office duas vezes por semana e a pesquisa de satisfação alcançou a nota de 89 e 90% de aprovação dos gestores em relação ao desempenho das equipes que trabalham remotamente. 

Mas quais são as vantagens do home office para os colaboradores e para as empresas? Segundo um estudo desenvolvido na Universidade de Stanford, Califórnia, os benefícios foram comprovados através de uma observação em uma agência de viagens.

Nicholas Bloom, coordenador da pesquisa, constatou que houve um aumento de 13% na produtividade dos colaboradores e eles diziam estar mais satisfeitos. Além de perceber que os trabalhadores adoeciam menos e faziam menos pausas durante o expediente o que trouxe uma economia de 50% para a economia da empresa se comparados aos trabalhadores que permaneceram no trabalho presencial. 

Por meio de uma outra pesquisa, realizada pelo site Indeed, aponta que as empresas também saem ganhando com o home office, mas como? Veja esses exemplos para entender:

  • Economia de 50% em custos operacionais
  • Aumento do engajamento em 57%
  • Redução de 31% nos custos com benefícios
  • Redução da taxa de turnover em 52%
  • Redução de 50% na taxa de desocupação em expediente

As organizações ainda registram vantagens, pois o home office é visto como um benefício oferecido ao colaborador pela empresa, retendo assim talentos para si.

Foto: O conforto do home office

Porque trabalho em Home Office?

Vivemos uma situação de pandemia, ocasionada pelo vírus Covid-19 e este cenário está reformulando hábitos e rotinas.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda o isolamento social para conter o avanço do vírus e isso fez com que muitas empresas liberassem seus colaboradores para trabalhar de suas casas. 

Possibilitando que as pessoas ficassem resguardadas em casa, evitando se expor ao contato do vírus. Por isso, o home office tende a se intensificar mesmo após a pandemia. 

Isso mesmo! Apesar da implantação do home office ter sido uma necessidade de todos, tudo leva a crer que essa modalidade de trabalho continue e cresça cerca de 30% nos próximos meses. Opinião essa que é do professor da Fundação Getúlio Vargas (FGV), André Miceli. 

Segundo ele, a prática do home office é “um caminho sem volta” e proporciona diversas vantagens além da saúde: menos poluição, menos tráfego nas ruas, menos pessoas utilizando transportes públicos trazendo assim mais qualidade de vida para as pessoas. 

Como implantar o Home Office na empresa?

A primeira questão a ser respondida é: Quem são os funcionários que estão aptos a trabalharem nessa metodologia. 

Teoricamente, qualquer colaborador pode contar com esse benefício desde que consiga exercer suas atividades por meio de um computador.

Para garantir uma produtividade, a dica é estabelecer uma comunicação direta e frequente entre gestores e geridos. Sendo possível um monitoramento de atividades enquanto os colaboradores atuam em home office.

Diversos são os motivos para a solicitação do trabalho remoto: cuidar dos filhos, fazer uma viagem, receber uma encomenda, impossibilidade física, etc. Podem ser pessoais ou não, logo a empresa decide qual se enquadra em sua política para que a modalidade seja permitida. 

3 dicas importantes para a implantação do home office:

  1. Fortaleça a autonomia na cultura organizacional

A autonomia é um fator de extrema importância no home office e para que seja positivo para a empresa. 

Significa incentivar a formação de profissionais que conseguem resolver as questões do trabalho independentemente. 

Não significa que o trabalho em equipe seja desvalorizado, pelo contrário! A autonomia fortalecida deixará os colaboradores qualificados para resolver conflitos e desafios individuais ou coletivos.

Logo, essa questão precisa estar nos valores da empresa, em sua cultura organizacional. 

Mostrando que a empresa incentiva a postura pró ativa e dedicada de seus colaboradores, trabalhando seja de qual for o lugar.

Foto: Trabalho em equipe
  1. Estabeleça regras para permitir o home office

Outro ponto importantíssimo é que regras sejam impostas para o  trabalho home office: quais serão os cenários permitidos? Por quais canais o trabalhador precisará solicitar? Quantas vezes por semana será permitido o trabalho remoto? 

O fato de existirem regras mostra ao colaborador que mesmo em home office, o trabalho continua sendo um compromisso sério com a empresa. 

  1. Manter uma frequente comunicação interna

A comunicação interna é um dos pilares do home office para que seja feito corretamente, Independente da plataforma escolhida (Skype, WhatsApp, E-mail, Hangouts) é primordial que os colaboradores estejam online e disponíveis. 

Mantendo assim um diálogo diário com as equipes.

Como a VoiceData te ajuda no Home Office?

Depois de explicar para você tudo sobre o Home Office, agora chegou a hora de te simplificar como fazer. 

Aqui na VoiceData, oferecemos os melhores produtos para você ou sua empresa usarem neste cenário. 

Para que todo o trabalho seja compensado e os resultados sejam entregues, é preciso estar equipado com os melhores equipamentos do mercado, e a Intelbras possui os melhores a oferecer para o seu home office.

Alguns exemplos são: 

O nobreak tem como função manter os equipamentos ligados mesmo quando ocorre uma queda de energia. O trabalho não para mesmo com problemas externos.

O roteador para que a qualidade da sua internet esteja sempre adequada para que não atrapalhe o desempenho no trabalho. Com diversos modelos para que você escolha qual a melhor opção para você.

A audioconferência é perfeita para reuniões diárias, transmite áudio de alta qualidade e excelente captação de som, independente do ângulo da voz. A Intelbras lançou um modelo novo que é a CAP 200 BT, equipamento que conta com a tecnologia bluetooth, facilitando sua conexão, microfone omnidirecional e uma autonomia de até 15 horas!! Incrível não é mesmo? 

A videoconferência, tem uma alta qualidade da imagem,  e o modelo EVC 300 USB da Intelbras possui a câmera com um ângulo ajustável e imagem em 1080P, ou seja, Full HD.  

Além disso, te dá a praticidade de levar para onde for, é um equipamento portátil é simples e fácil de usar. Dispensa o uso de bateria e carregadores. Tem entradas USB e Plug and Play, entre outros benefícios que oferece aos usuários.  

Como iremos te mostrar abaixo:

Foto: EVC 300 USB – Intelbras

Os protetores eletrônicos permitem que você conecte aparelhos a um mesmo ponto de energia e o proteja contra curtos, surtos de tensão e sobrecarga.

Com o uso do headset você pode realizar ligações com as mãos livres, o que traz mais facilidade para o dia a dia no trabalho. São vários modelos para diferentes necessidades. 

Aqui na VoiceData, você encontra desde os modelos mais simples até os de última geração.

Todos os produtos de última tecnologia para que o trabalho fique confortável e eficaz! 

Todo o conforto que você precisa está ao seu alcance.

Com a sua casa automatizada (assunto que você encontra aqui: Automação Residencial Sua Casa Inteligente e Conectada), responsabilidade, conforto, e os equipamentos certos. 

O trabalho Home Office ficará muito mais confortável, seguro e produtivo!

E aí, o que achou do que leu? Conte para nós aqui nos comentários! Compartilhe com os amigos e se você não conhece a VoiceData venha nos conhecer, será um prazer ajudar você. Nos siga nas redes sociais e se mantenha sempre antenado nos assuntos mais falados do momento! 

Automatização Residencial: Sua casa inteligente e conectada

A automatização residencial já não é mais algo futurístico, a cada dia que passa as casas inteligentes como são chamadas estão mais comuns no dia a dia de todos. 

QUANDO SURGIU A AUTOMAÇÃO?

Podemos dizer que o conceito surgiu na década de 70, nos Estados Unidos da América (EUA) quando os primeiros sistemas de automatização foram criados para aplicações industriais. 

Imagina controlar toda a sua casa sem precisar levantar do sofá? Ou até mesmo quando estiver fora? Simplesmente usando a internet e dispositivos compatíveis você pode! 

Segundo a história da automatização, “o homem sempre buscou melhorias significativas em seu estilo de vida”. E o surgimento da automatização fez com que a produtividade em indústrias aumentasse, desenvolvendo técnicas que alavancaram a capacidade de produção, melhorando os processos. 

O QUE É AUTOMAÇÃO RESIDENCIAL?

Automação residencial se refere a tecnologias com capacidade de tornar automático o funcionamento de diversos equipamentos.

Por meio de sistemas integrados e da conexão à internet, a automação residencial visa criar uma casa inteligente. Usando a tecnologia IoT (Internet das Coisas), que já vem impactando o dia a dia em muitas residências. 

Além de programar ações a serem executadas em situações pré definidas. 

O maior objetivo é oferecer praticidade e facilidades para o dia a dia das pessoas por meio do gerenciamento residencial através de um simples smartphone ou tablet.

É possível controlar os aparelhos de onde você estiver

Além disso, é possível criar uma casa totalmente personalizada para você, conforme estilo de vida, necessidades e hábitos. 

COMO FUNCIONA ESSA TECNOLOGIA

Para criar uma automação residencial é preciso o uso de aparelhos com conectividade elétrica, internet e um dispositivo com a inteligência artificial para coletar e trocar as informações para que a automatização seja realizada. 

A Linha Izy, da nossa parceira Intelbras possui diversos equipamentos para te ajudar na melhor automatização para sua casa. 

foto: Site Intelbras

BENEFÍCIOS DA AUTOMATIZAÇÃO

Agora que sabemos o que é a automatização, o que ela traz aos seus usuários? Confira abaixo alguns exemplos de benefícios que você pode adquirir com o uso dessa tecnologia. 

    Segurança

Uma das maiores vantagens de possuir a automatização residencial é o sistema de segurança. Com câmeras inteligentes, você pode acompanhar o que acontece no ambiente em tempo real. A Linha Izy possui uma linha de câmeras que você pode usar na sua automatização. São elas:

Todas elas completamente Wi-Fi, com fácil instalação, tecnologia de multi armazenamento, sendo possível o uso de cartão de memória ou armazenamento em nuvem. 

A iM3 é uma câmera interna que pode ser usada em ambientes menores e sem muita complexidade. Ideal para salas e quartos, possui microfone integrado e infra vermelho de 10 metros. 

A Im4 é uma câmera também interna, porém com a tecnologia de visão com ângulo de 360°, interação por voz e assim como a Im3 possui visão noturna.

Agora a Im5 S, diferente das outras duas é uma câmera externa, com proteção contra chuvas e poeira, também possui fácil instalação, microfone embutido, visão noturna, e uma tecnologia que faz a detecção de pessoas, evitando alarmes falsos em seu sistema de segurança. 

Todos os três modelos são compatíveis com as assistentes de voz, Amazon Alexa ou OK Google. 

Praticidade

O grande diferencial da automação residencial é o controle remoto de seus equipamentos. Você pode controlar, ar condicionado, persianas e cortinas, televisores, ventiladores, luz, e outros tantos aparelhos sem sequer levantar do sofá. 

Você já conhece a lâmpada inteligente? Pois eu te apresento a EWS 410

Nela você pode criar cenas, mudar a cor, controlar intensidade e saturação, criar rotinas para que acenda ou apague em um determinado horário, ela tem diversas funções a serem exploradas! 

Além é claro de te ajudar a economizar! 

As lâmpadas de led necessitam de menos energia, o que traz um consumo consciente para sua residência!

Foto: EWS 410

Tudo isso traz mais conforto e praticidade no cotidiano dos moradores.

Além disso, como você pode personalizar cada ambiente com sua automação, os momentos de lazer ficam muito mais prazerosos.

Você também pode usar fechaduras digitais compatíveis com sua automação residencial e dizer adeus para as chaves! 

Acabar com a preocupação de não encontrar as chaves no momento de sair às pressas de casa, muito menos em ficar procurando na bolsa quando chegar depois de um dia cansativo e estressante.

Um exemplo da fechadura que pode ser aplicada nesse cenário é a FR 701, com design moderno e inovador sem maçaneta, possui quatro formas de acesso sendo elas: 

  1. Biometria (até 100 biometrias)
  2. Senha (até 9 senhas diferentes)
  3. Tags de aproximação 
  4. Chaves

Trazendo praticidade e mais segurança para seu lar. 

Na automatização residencial você também pode usar sensores de iluminação, presença e até mesmo de abertura para portas.

Viu como tudo na sua casa pode se tornar inteligente? 

E você ainda vai estar otimizando o uso da energia elétrica pensando na sustentabilidade do planeta e também é claro, em seu bolso. 

Sustentabilidade

Apresentados alguns dos dispositivos que você pode utilizar para a sua automação residencial é fácil saber que com o controle de energia e água você está ajudando na sustentabilidade, né? 

A automação ajuda os seus usuários a economizarem, contribuindo assim para ações como:

  • Medição do consumo de energia
  • Desligamento automático de luzes e ar-condicionado
  • Controle de cortinas conforme luz solar
  • Sensores de vazamentos de água
  • Desligamento automático de televisores

Entre outros benefícios que se pode obter com a automatização. 

Depois de todos os exemplos e explicações, quem não quer ter a sua casa inteligente e acompanhar a evolução? 

A “casa do futuro” que um dia parecia ficção, já é uma realidade. 

E as atualizações são constantes no ramo da tecnologia e o controle de tudo isso é feito por um simples aplicativo de smartphone ou por voz, usando as assistentes que hoje estão cada dia mais inteligentes e que permite que você simplesmente fale um comando para que seja executado.

Viu como é incrível? Deixa aqui nos comentários o que você achou, nos siga nas redes sociais e para saber mais sobre tantas tecnologias, entre em contato conosco, teremos o maior prazer em te ajudar a fazer parte desse mundo tecnológico! 

Automatizador de portão: Tudo que você precisa saber para fazer a melhor escolha!

O crescimento uso do automatizador de portão no Brasil

O uso de automatizadores de portão vem crescendo a cada dia no Brasil. Dificilmente se encontra um condomínio, por exemplo, que não tenha os portões automatizados para trazer praticidade, agilidade e segurança aos moradores.

O crescimento deste mercado tem como principal motivo, comodidade e segurança aos usuários, pois se trata de uma tecnologia que apresenta funcionamento excelente.

Além disso a automatização de portões não para de ganhar melhorias, se tornando uma alternativa ainda mais eficaz com o passar dos anos.

Como foi criado o automatizador de portão?

O primeiro automatizador de portão foi criado no século I, por Heron de Alexandria, (10 d.C. – 70 d.C.) que era um engenheiro e matemático grego considerado um dos maiores pesquisadores e experimentadores na antiguidade. Ele ficou conhecido por seu feito de inventar o primeiro motor a vapor que nomeou de Eolípila.

Mas, também inventou o portão automático!

Os sacerdotes daquela época precisavam usar magia, mas só Heron podia fazer uma determinada “magica”, ele nomeou o “dispositivo magico” de máquina n°37, porém nós o conhecemos como portões automatizados.

Quando um sacerdote chegasse ao templo as portas se abriam “magicamente” para que ele pudesse entrar.

Era simples o funcionamento do método: Ao chegar ao templo o sacerdote acendia uma chama de fogo em um altar. Embaixo deste altar havia tubos, tanques e pesos.

Foto: Funcionamento do primeiro automatizador de portão

A evolução do automatizador

Sabemos que o primeiro portão foi criado há muito tempo e que estamos em constante evolução, com isso, claro que os motores de portão evoluíram para acompanhar a humanidade.

Com o avanço da tecnologia foram criados outros tipos de portões:

  • Deslizantes
  • Basculantes
  • Pivotantes

Independente do seu portão ser ou não automatizado ele tende a fazer um desses três movimentos.

De forma simples, o deslizante seria o modelo de “correr”, com abertura lateral. Esse modelo é mais usado em empresas e residências.

É um modelo que corre tanto para a direita, quanto para a esquerda.

Já o basculante é aquele que abre para cima. Ideal para lugares desprovidos de tanto espaço.

E por fim, os pivotantes são aqueles que abrem em um ângulo de 90°. O movimento é semelhante a portas convencionais onde o movimento de abertura é feito para dentro ou para fora.

Para cada modelo citado acima existem diversos modelos de automatizador de portão e a partir dessas informações podemos começar a definir qual é a melhor escolha a se fazer.

O que é preciso saber para escolher o automatizador ideal?

Em primeiro lugar devemos saber onde será a instalação para definir qual o melhor modelo. Ao contrário do que muitos pensam a potência do automatizador não é a única característica importante na hora da decisão.

Itens como engrenagens, rolamentos e quais materiais são utilizados na sua fabricação são fundamentais para a saber se o equipamento terá uma vida útil longa.

Por isso, precisamos fazer as seguintes principais perguntas:

  1. Qual o tamanho do portão em metros e quantos quilos ele tem?
  2. Qual será o pico de acionamento do automadizador de portão?
  3. Em quanto tempo é desejado que seja feita a abertura do portão?

Com essas respostas em mãos será possível identificar qual o melhor automatizador de portão para você.

O motor precisa possuir uma potência compatível com o peso do portão.

A potência é medida em HP, ou seja, cavalos.

As mais comuns utilizadas em residências e indústrias são: 1/2 HP, 1/3 HP e 1/4 HP.

A medida da potência é inversamente proporcional ao peso do portão.

Lançamento Intelbras aqui na VoiceData

Você já deve saber que aqui na VoiceData entregamos os principais lançamentos do mercado, e a nossa parceira Intelbras acaba de lançar vários modelos de automatizado de portões.
 A linha de automatizadores Strat oferece segurança com robustez, potência e qualidade, tudo isso com design diferenciado e a confiança que só uma marca com mais de 40 anos de mercado tem.

Foto: Automatizadores Intelbras

A Intelbras trouxe modelos para aplicações versáteis e que atendem diferentes projetos para dois dos três tipos de portão que foi apresentado neste artigo, sendo eles o deslizante ou basculantes.

Com fechamentos e aberturas mais velozes os automatizadores da linha Strat oferecem maior segurança, praticidade e agilidade.

Além de contar com protetores de surto integrados ao equipamento, evitando que o equipamento venha a queimar em um possível pico de carga elétrica, oferecendo mais durabilidade e economia, já que evita a troca frequente de peças.

Para ajudar em seu projeto a VoiceData, juntamente com a Intelbras oferece versões com base e engrenagem em nylon ou alumínio.

Oferecendo assim robustez e força.

Com modelos de automatizadores de portão que tem capacidade de 300kg até 1600kgs.

O modelo BC 500 FAST da linha Strat é um automatizador que tem a capacidade de 500kg, possui opção de braço acionador e entrega uma fácil programação por meio de leds, teclas e buzzer.

Além de abrir e fechar os portões de 2,20m (dois metros e vinte) em 4,8 segundos!

A linha Strat é compatível com o módulo Wifi da linha Izy (IGD 110), que permite o acionamento do portão via smartphone, deixando todo o controle na palma da sua mão.

Quais equipamentos são necessários para a instalação?

Agora que sabemos, o que é, como funciona, quais questionamentos fazer e marca recomendada, está na hora de sabermos quais são os equipamentos que devem ser utilizados na hora da automatização do seu portão.

Modelo BASCULANTE

Basicamente é utilizado o motor e o acionador.

Modelo DESLIZANTE

Neste modelo o kit é um pouco maior, contendo o motor, cremalheiras de acordo com o comprimento do portão, controles remotos de dois e quatro botões, e por fim o relé da linha Izy, IGD 110 que permite que seja controlado pelo smartphone, ou até mesmo pelo comando de voz Alexa.

Gostou de saber mais sobre automatizador de portão?

Conte para nós nos comentários o que achou das informações e caso queira mais dicas ou até mesmo adquirir o seu, entre em contato conosco que os melhores especialistas do mercado estarão a sua disposição.

A era dos dados: Entenda as tendências e prepare seu negócio!

Como preparar seu negócio com a tecnologia dos novos meios de pagamento

Segundo um levantamento do Instituto Locomotiva, divulgado pela Agência Brasil as compras feitas por meio de aplicativos cresceram 30% no país durante a pandemia.

De acordo com o estudo, quase metade (49%) das pessoas entrevistadas declararam que pretendem ampliar as compras por aplicativos após o fim da quarentena.

Um indício de que a aceleração no uso de novas formas de pagamento representa uma mudança de comportamento do consumidor, o que também reflete na mudança de estratégia para vendas e para o checkout no varejo.

Métodos como o Pix, pagamento por aproximação ou via aplicativo de mensagem trazem mais agilidade e eficiência ao mercado.

Cédulas, moedas e cartões de débito e crédito físicos for por muito tempo as principais formas do consumidor pagar por suas compras diárias.

Porém, com o aumento do uso de tecnologias no cotidiano, novos meios de pagamento ganham força e devem fazer parte da estratégia de diferentes negócios.

Com a atual orientação do distanciamento social o crescimento do comercio eletrônico impulsiona o uso de carteiras digitais, aproximação e métodos como o pix.
 
Além disso, o próprio comportamento do consumidor sofreu grandes mudanças nos últimos anos, exigindo processos cada vez mais rápidos e eficientes para realizar transações.

Avanços tecnológicos foram cruciais para a evolução das transações

Soluções de Conectividade: Essencial para o avanço da sua empresa

O aumento da oferta de serviços digitais, os novos meios de pagamento e o crescimento do comércio eletrônico não seriam possíveis sem os avanços tecnológicos dos últimos anos. 


Em primeiro lugar, a grande viabilizadora de toda a transformação digital é a conectividade.

Já que sem acesso à internet seja fixa ou móvel, os métodos de pagamento mais recentes não poderiam ser utilizados em lojas online ou pontos de vendas. 

E também, no comércio eletrônico, por exemplo, a velocidade do processo de compra é algo que impacta diretamente na experiência do consumidor. 

Sendo assim, contar com uma troca de dados rápida e de alta disponibilidade pode ser o diferencial que o seu negócio tanto precisa para se destacar. 


Nesse sentido, a iminente chegada do 5G é outro fator que traz grandes expectativas para os negócios. A conexão de quinta geração terá latência abaixo de 1 milissegundo e uma taxa de transmissão de até 20 Gbps.

Essa melhoria na conectividade também impactará outras importantes tecnologias que auxiliam nos métodos de pagamento, como a Cloud.

No cenário de digitalização, os serviços em nuvem ficaram em alta por trazer opções de eficiência de custos. Isso porque permitem que grandes despesas de capital (Capex) sejam substituídas por despesas operacionais (Opex) com assinaturas mensais.

Muitas carteiras digitais, inclusive, utilizam esse ambiente escalável para armazenar dados de forma segura, com criptografia e autenticação de dois fatores.

Por fim, vale ainda citar inovações como a Internet das Coisas (IoT) e o Big Data. Estas têm papel importante tanto na personalização de serviços, quanto na identificação do usuário, via localização ou comportamento.

Com soluções modernas, diversas e escaláveis, estamos no centro da transformação digital vivida atualmente.

E isso vai desde a disponibilização de conectividade a cada vez mais pessoas e negócios, até a implementação de ferramentas que ajudam na tomada de decisões, seja nas grandes cidades ou no campo.

E ai, ficou com curioso e com vontade de se atualizar para essa nova era? Entre em contato que vamos te ajudar!

Grupo de trabalho sobre 5G discute mercado com Intelbras e empresas

O grupo de trabalho que acompanha a implantação da tecnologia 5G no Brasil realiza audiência pública nesta terça-feira (13), com o tema: “Aspectos mercadológicos, segurança, infraestrutura e equipamentos”.

O debate atende requerimento do deputado Vitor Lippi (PSDB-SP).

O encontro será por videoconferência e terá a presença do gerente do Segmento de Redes da Intelbras (INTB3), Carlos Reich; do representante área de Conectividades Móveis do Grupo Thales no Brasil, André Mattos; da presidente da P&D Brasil, Rosilda Prates; e do vice-presidente de Relações Governamentais Latam da Qualcomm, Francisco Giacomini Soares.

Hora e local

A audiência será realizada às 14h30, no plenário 13.

Comprar pela Internet ou Distruidor Intelbras ?

Comprar pela Internet ou Distribuidor Intelbras?

Se você é revendedor, instalador, projetista, possui loja física, ou comprador em geral, provavelmente já se deparou com alguma consequência da velha máxima, o “barato sai caro’.

Imagine um cenário em você vendeu para o seu cliente e optou por “economizar” comprando pela internet o produto a ser instalado, só que, infelizmente, você comprou o modelo incorreto.

Agora, imagine a possibilidade de ter gratuitamente uma consultoria especializada te assessorando desde o primeiro instante nas instalações mais complexas de cftv ip, energia solar, Inteligência artificial, redes, fibra ótica e muitos outros.

Imagine ter uma sede onde você possa fazer seus treinamentos, certificações oficiais, ter acesso a um suporte credenciado, troca expressa, laboratórios de análise, analisar os lançamentos de produtos expostos no show room, consultores treinados, uma recepção aconchegante, estacionamento gratuito, e é claro, o famoso Café da Val! Acredite, esse lugar existe!

Estamos falando da VoiceData Distribuidora!

 

Suporte

Como saber qual a solução ou o modelo ideal para determinada estrutura? Para isso, você precisa de uma assessoria antes da compra e um suporte pós-venda, caso eventualmente tenha algum problema.  Uma revenda autorizada vai ajudar você em tudo, desde a escolha do equipamento, até uma possível troca.

Troca e Assistência

Já tentou trocar um produto qualquer, por exemplo, seu telefone sem fio, MHDX, gravador, adquirido em algum desses sites de internet? Você precisará dispor um tempo para ir até uma agência dos Correios e fazer a logística reversa. Já parou para pensar quanto isso pode lhe custar? Comprando com um distribuidor autorizado, a Intelbras oferece a “Troca Expressa”, que atende o Brasil inteiro e permite a troca imediata do equipamento.

Você encontra todos os equipamentos juntos

São inúmeras as possibilidades para quem escolhe a automação no controle de acesso. Por exemplo, toda a linha de acesso condominial, acesso residencial e empresarial, com porteiros eletrônicos, terminal dedicado ao porteiro, módulo inteligente de portaria, fechaduras eletroímã, fechadura solenoide, controlador de acesso, leitor biométrico, pulseira acionada por aproximação, controle RFID, placas 8 ramais, placas 16 ramais, vídeo porteiro com bateria, no breaks, DVRs, NVRs, são itens que estrategicamente oferecem mais segurança e tranquilidade ao cliente quando possui uma assistência técnica física.

Valor de Frete

Em revendas autorizadas você não paga frete. Você já deve ter visto casos em que o valor do frete cobrado por alguns Market Places chega a custar até 35% do valor do produto. E muitas vezes você só descobre no final, quando está colocando os dados do cartão. Itens como racks G-Force e Hepso, essenciais para a instalação, costumam ter um valor de frete ainda mais elevado.

Prazo de entrega da Internet

Aquele Nobreak para proteger seus equipamentos, será que pode esperar? Pela internet o prazo de entrega pode levar até 20 dias úteis. Em uma distribuidora autorizada existe a pronta entrega de itens que normalmente demoraria muito mais tempo para chegar como centrais UnnTI, Modulare, Impacta, Gateways GW, placas de ramais, placas tronco, placas fontes, placas de expansão, licenças de ramal, licenças de gravação, perfil cego e placas base.

 

Não fique com dúvida no manuseio

Quando você tem dúvidas no manuseio de qualquer equipamento, um distribuidor Intelbras pode oferecer consultores preparados, que passam por processos constantes de treinamentos e especializações técnicas capazes de lhe dar as melhores orientações de usabilidade. Os mais requisitados são o suporte e manuseio das câmeras Vip Bullet e Dome, câmeras Speed Dome, MHDX, sensores de presença, toda linha de telefones sem fio TC500TS, TC gravadores de vídeo e gravadores de imagens.

Treinamentos para sua equipe

Quem trabalha com tecnologias de controle de acesso precisa estar preparado para atender e mostrar um conhecimento básico desses equipamentos.  Procure uma empresa que ofereça treinamentos nos mais variados segmentos além de cursos técnicos para instalação de equipamentos.

Relacionamento e informações privilegiadas

O segmento de tecnologia, em especial o mercado de controle de acesso condominial e residencial, avança muito rápido. Estar conectado com as novidades é estar um passo à frente. Quando você escolhe trabalhar com uma distribuidora, você é alimentado por informações, lançamentos e atualizações constantemente.

Valorize o seu mercado

Lembre-se sempre: todos têm acesso à internet, inclusive o seu cliente. Valorize e incentive também o atendimento humanizado e profissional como os instaladores, isso impulsiona o seu negócio.

 

5 dicas para manter a produtividade no home office

Diante da pandemia do COVID-19, empresas de todo o planeta estão migrando seus times para o modelo de home office. Mesmo sendo algo usando há anos por diversas empresas, principalmente no seguimento de tecnologia e dados, ainda é um desafio para muitos profissionais.
Pensando nisso a equipe da VoiceData Distribuidora selecionou 5 dicas para ajudar você a ter eficiência e o máximo de aproveitamento no trabalho remoto.
Seguindo as recomendações da OMS, de isolamento para diminuir o avanço do COVID-19 pelo contágio, trabalhar em casa pode ser benéfico por muitos motivos, como: evitar o trânsito, dormir por mais tempo, porque não haverá o deslocamento até o trabalho, ter mais tempo com a família, etc. Mas o home office pode ser extremamente desafiador nos quesitos produtividade e aproveitamento do tempo.
Pensando nisso, reunimos 5 dicas para você se manter produtivo, responsável e focado quando trabalhando em casa.

1ª Dica: Crie rotinas de trabalho para o seu cérebro.

A rotina de preparação diária e deslocamento, quando se trabalha em um escritório, ajudam a condicionar o cérebro para a execução das tarefas do dia. Se arrumar para trabalhar, como se fosse sair, e fazer o café da manhã são ações que despertam no cérebro que o dia começou. Essas medidas mantém a moral elevada, evitando que o desleixo físico leve a um desânimo mental.
Se você acha difícil ser produtivo em casa, o ideal é escolher um lugar, que você identifique como seu local de trabalho. Seja na mesa de jantar ou em um quarto isolado, a intenção é mostrar para o cérebro que o lugar escolhido não tem distrações e não atrapalhará a produtividade, gerando menos estresse. Evite também realizar tarefas fora da rotina de trabalho, como lavar louça, para manter seu cérebro motivado e sem distrações.

2ª Dica: Faça uma lista de afazeres

Criar uma lista de afazeres e metas te ajudará a ser mais organizado e a manter-se mais animado e ativo. Ao estipular suas metas, pense em tarefas de curto e longo prazo, afazeres diários que te ajudarão a concluir um grande projeto. Isso te ajudará a permanecer motivado, pois será mais fácil ver o progresso do trabalho.

3ª Dica: Técnica Pomodoro

Após criar sua lista de afazeres do dia, pode usar a Técnica pomodoro para aumentar sua produtividade administrando melhor seu tempo, o que ajudará a diminuir a ansiedade.
A técnica consiste na divisão do fluxo de trabalho em blocos para máxima concentração. Com a lista de tarefas diárias em mãos, divida seu tempo em períodos de 25 minutos (faça uso de um timer) e trabalhe, em seus afazeres, ininterruptamente durante esse período. Assim que o timer tocar, ao fim dos 25 minutos, marque a tarefa concluída ou anote o status da tarefa (por exemplo, 70% concluída) e faça um intervalo de 5 minutos. Nesse tempo, aproveite para fazer outras atividades não relacionadas ao trabalho (tomar um café, ir ao banheiro).

Após quatro ciclos, faça uma pausa maior para descansar, intervalos entre 15 e 30 minutos. Essas pausas são essenciais para que o “cérebro respire” e sua agilidade aumente.

4ª Dica: Sempre tenha prazos

O trabalho home office tem prazos tão rigorosos quanto o trabalho no escritório. No entanto, isso não anula pausas necessárias para qualquer ambiente de trabalho, como horário para almoço ou intervalo para um lanche, momento importante para alimentar o corpo e descansar a mente e o físico.
Ter horário para começar e finalizar o dia de trabalho também é importante, pois você também tem atividades pessoais que precisam ser realizadas diariamente, como a convivência familiar, atividade física.
Após definir suas atividades diárias, compartilhe sua agenda com seus colegas de trabalho para que eles saibam quando você estará trabalhando. Também é necessário informar aos familiares e pessoas que moram com você que trabalhar em casa não significa que você está sempre disponível. É preciso determinar limites também dentro de casa.

5ª Dica: Esteja presente

Trabalhar em casa não é uma experiência solitária, pois é preciso muita colaboração da equipe.
Mesmo o e-mail sendo uma ferramenta útil, principalmente para oficializar decisões, quando precisamos de respostas rápidas para perguntas simples, temos ferramentas mais eficientes como o SlackGoogle Hangouts e até mesmo o WhatsApp e o Telegram.
Quando uma reunião formal se faz necessária, seja para uma conversa mais detalhada sobre algum projeto ou um brainstorm, vídeo chamadas ou vídeo-conferências são a solução ideal para esse momento.
Além de ser uma ótima maneira de acompanhar as atividades da equipe, as ligações ajudam a firmar os relacionamentos.

Embora não possamos ter certeza do que está por vir, podemos dizer que ter responsabilidade social diante dessa crise é nossa prioridade! Por isso, estamos aqui para ajudá-lo a tornar essa travessia um pouco menos difícil, e claro, fechar bons negócios diante das oportunidades que virão.

 

att.: Time VoiceData. 😉

 

 

 

VoiceData e Águia de Ouro no Carnaval 2020

 

 

Como nasceu essa parceria?

 

Tudo começou no final de 2019, quando a VoiceData Distribuidora Oficial há treze anos de grandes marcas, como Intelbras, Fasgold e Control ID entre outras, inseriu em seu planejamento a “Missão” de levar o conhecimento e o Saber para as pessoas, decidimos então criar e superar limites da imaginação, deixar de vender somente produtos e soluções, optando por deixar a mente dominar, e jamais deixar de acreditar, criamos a Universidade VoiceData!

 

Nascia ali uma verdadeira academia de conhecimentos, contribuindo para o desenvolvimento pessoal e profissional de trabalhadores, ensinando, capacitando e certificando eletricistas, pedreiros, instaladores em geral, que resolvessem mudar suas vidas conosco, pois nosso coração é comunidade, e sim, faz o sonho acontecer!

 

Nós sempre fomos adeptos do princípio “Quem sabe faz a hora não espera acontecer”, sabíamos que levando o Conhecimento e o Poder do Saber para as pessoas, fortaleceríamos nosso propósito de valorização do Ser Humano e da Família.

 

Eis que ainda em 2019, alguns membros da Águia, que são nossos clientes há anos, começaram a vir retirar materiais em nossas lojas com camisas, nas quais haviam os dizêres :

 

“O poder do saber. Se saber é poder… quem sabe faz a hora, não espera acontecer”.

 

Essa frase mexeu muito com o nosso departamento de Marketing, que se movimentou e levou à nossa diretoria a sugestão de uma parceria com a escola.

 

Acionamos então o nosso parceiro e cliente, João Paulo, figura importante da Águia de ouro, que intermediou nossa primeira reunião, conhecemos a Jacque, grande guerreira linha de frente da escola e ser humano incrível, também o Sidnei França, reconhecido carnavalesco e enfim, tivemos também a honra de conhecer o Presidente Sidnei Carriuolo, grande líder muito respeitado do carnaval paulistano. Nascia ali a uma grande parceria, de amizade e valores parecidos, como o de realizar os sonhos das pessoas e trazer felicidade!

 

A parceria, Águia & VoiceData está só começando, ainda vai muito longe, temos ideias extremamente impactantes e muitas Inovações!

 

Contando com somente produtos de primeiríssima linha para levarmos a avenida, aliado ao material humano riquíssimo, junto com a tradição, a garra e o amor à camisa, a união das famílias Águia/Voice contribuirá para levar a Águia ao seu devido lugar, que são os títulos!

 

Pois quem sabe faz a hora, não espera acontecer!