Posts

Tecnologia no agronegócio: Principais vantagens

Tudo que você precisa saber desse setor que só cresce.

A rotina do trabalhador rural sempre foi pesada e cansativa, que demandava muitos esforços físicos e mentais para que fossem colhidos bons resultados na agricultura, mas essa realidade vem se modificando há um tempo nos campos de muitos agricultores.

Mas como? Usando a tecnologia no campo!

Se você é produtor, ou gosta de se atualizar, prepare-se para um conteúdo que vai fazer você entender tudo sobre a tecnologia no campo.

A evolução do agronegócio

Nas últimas quatro décadas o Brasil saiu de um mero importador de insumos alimentícios e se tornou um grande provedor mundial. Aumentos significativos na produção e na produtividade agropecuária foram observados. 

Hoje, cada hectare de terra produz mais o que é importantíssimo para a preservação de recursos naturais 

O Brasil se tornou um dos principais players do agronegócio mundial.

Alguns desafios ainda precisam ser cumpridos como o melhor uso da água na irrigação o uso inadequado de agroquímicos que oferecem riscos não só a saúde de quem consome os alimentos mas também prejudica o meio ambiente. 

Mudanças que a tecnologia trouxe ao agronegócio

A agricultura no Brasil era feita de forma grosseira no passado. Homens  e mulheres sofriam com a falta de informação e tecnologia, o que impacta diretamente na produção das fazendas. 

Hoje com a tecnologia que existe no Brasil é possível produzir mais sem a necessidade de expandir as áreas plantadas, pois a inovação traz novas possibilidades todos os dias aos produtores. 

No ano de 2020 o agronegócio representou 26,6% do PIB (produto interno bruto) brasileiro, obteve um crescimento de 6,1% referente ao ano de 2019.

Foi um setor que não parou durante a pandemia, e sim um setor que cresceu enquanto a maioria dos outros setores estava parado.

O agronegócio é um setor muito promissor, tanto interno quanto externamente. 


O avanço do agronegócio está diretamente ligado às oportunidades que a tecnologia oferece ao setor.

Principais beneficios

Estamos falando de avanços que o agronegócio conquistou devido ao avanço da tecnologia utilizada nos campos, mas quais são os benefícios que ela trouxe? Acompanhe alguns que separamos para você.

Aumento da produtividade

Com a implementação da agricultura de precisão, que pode ser aplicada em qualquer plantação independente do tamanho e volume da produção. É possível gerenciar todas as máquinas automatizadas através de um sistema de controle, o que aumenta a produtividade, reduz custos e tempo na produção. 

Redução no desperdício

Os sistemas interligados às máquinas e conectados via rádio reduzem o desperdício e são contabilizados quanto está sendo colhido naquele local, evitando que seja feito um retrabalho, ou que seja passado duas vezes no mesmo local. 

Tomada de decisão facilitada

Com informações automáticas, informações mais precisas e relatórios informativos fazer o monitoramento de resultados da produção fica mais fácil, o que permite que as chances de sucesso do processo de tomadas de decisão 

Praticidade

A automação integrada a maquinários e equipamentos tecnológicos gera mais praticidade nos processos, o que diminui as atividades repetitivas, reduzindo esforços físicos e aumento na qualidade da produção e de informações.

Como um divisor de águas a tecnologia no agronegócio veio para revolucionar a forma como o produtor gerencia todo o processo do plantio. 

O que está acontecendo é a troca de métodos antigos que demoram e davam prejuízos para métodos mais eficientes que trazem agilidade nos processos.

Além desses benefícios citados acima, hoje já existem fazendas 100% monitoradas remotamente, através de softwares ligados a computadores e smartphones. 

Segundo a Comissão Brasileira de Agricultura de Precisão (CBAP), 67% das propriedades agrícolas brasileiras já adotaram algum tipo de inovação tecnológica.

Cenário bem diferente de anos atrás quando poucos computadores faziam parte das propriedades, e muitas vezes o controle de produção e gerenciamento da propriedade era feito com papel ou até mesmo de cabeça pelo fazendeiro e produtor.

Como a VoiceData te ajuda?

Aqui na VoiceData buscamos atender todos os projetos de nossos clientes, e ajudar o máximo de pessoas possível a manter uma vida mais segura e com praticidade no dia a dia.

Pensando nisso, nossa grande parceira Intelbras possui os materiais certos para uma boa gestão da sua fazenda, ou propriedade desenvolvendo a tecnologia necessária para cada tipo de projeto. 

Buscando estar presente no crescimento da agricultura nacional para que se torne mais conhecida em exportação, produção e é claro para que conquiste uma grande parcela de contribuição na economia do país. 

Produtos para utilizar no seu projeto

Visando atender novos projetos de fazendas, propriedades e outros ambientes nos quais a passagem de cabos não é uma opção viável a Intelbras oferece o sistema de rádios ponto multiponto, onde vários pontos vão até um único ponto neste caso é recomendado o uso da base – Antena 5A 90 V3 e para as comunicações de ponto o WOM 5A Mimo

Neste caso também indicamos o uso do software Cambium, que suporta até 40 mega de tráfego de informações sem perder nenhum pacote de dados. 

Além disso,para o monitoramento do ambiente com a segurança eletrônica podemos utilizar as  câmeras da linha Future da Intelbras que são ideais para projetos que demandam mais dados, visualizações e um sistema mais moderno para que tudo seja muito bem analisado. 

Um exemplo de câmera desta linha é a VIP 7180 B, uma câmera panorâmica que possui quatro sensores que geram uma imagem de 180° ideal para monitoramento de grandes perímetros. 

Ela também possui recursos Inteligência de vídeo e Mapa de calor, ela garante informações para uma vigilância segura, estável e integrada nos sistemas de CFTV IP. 

Protegendo seu patrimônio e negócio para que não seja invadido ou vandalizado causando grandes perdas e prejuízos. 

Conseguimos oferecer todos os produtos para que o seu sistema de automatização e segurança seja completo e eficiente! 

Os agricultores brasileiros já têm consciência de que os recursos digitais potencializam sua gestão rural, conforme foi apurado pela consultoria Mckinsey. Com o uso das ferramentas e softwares a otimização de tarefas é consideravelmente elevada. 

Conectividade no campo

Para que possamos fazer tudo que estamos apresentando funcionar nas suas capacidades máximas é preciso um elemento essencial: a conectividade. 

Existe um avanço significativo na oferta de infraestruturas com capacidade de sustentar uma operação ligada à internet, o que traz mais confiança ao produtor.  Neste caso a VoiceData também pode te ajudar! Com o departamento exclusivo da VIVO, oferecemos a você os melhores serviços, sempre conforme a sua necessidade. 

Vou exemplificar:

Vivo Clima Inteligente 

São estações meteorológicas para monitorar em tempo real todas as condições relacionadas ao tempo. Com sensores que são capazes de identificar chuvas, direção e  a velocidade do vento, umidade do ar e do solo, entre outras funções. Todos os dados são processados de forma ágil e armazenados, contribuindo para a redução de custos e decisões que o fazendeiro vier a precisa tomar. 

Vivo Maquinário Inteligente

Trata-se de uma solução de telemetria avançada, com capacidade de gerenciar a frota de máquinas no campo. Todas as informações referentes a eles ficam organizadas em uma plataforma que pode ser acessada por aplicativo de celular ou desktop. Além disso possui um hotspot wifi que permite a conexão de outros dispositivos na cabine do maquinário. Oferece transmissão on e offline em diferentes tecnologias de rede como por exemplo, 4G com LTE-M, 2G, Wi-fi e Bluetooth. 

Vivo Eficiência Energética 

Os gastos com energia aparecem entre os mais significativos na operação. Essa solução atua justamente no sentido de controlar e reduzir esse custo, evitando desperdícios. É capaz de identificar facilmente divergências nas faturas identificadas pelas concessionárias ou então equipamentos que estão consumindo em excesso.

Conseguimos no decorrer deste artigo perceber que a tecnologia é capaz de fazer a otimização da gestão do agronegócio, sendo a facilitadora de processos e ações. Diferentes recursos vêm sendo implantados com maior frequência no campo, sobretudo devido ao avanço da conectividade móvel e a chegada do 5G no Brasil. 

A infraestrutura será cada vez mais capaz de suportar o uso de plataformas e dispositivos baseados em IoT e Big Data, por exemplo. 

Isso vale para todos os portes de operação.

Visando essa evolução a VIVO Empresas vem preparando um robusto portfólio voltado ao agronegócio. 

Agora que terminamos a leitura, nos conte aqui nos comentários o que você achou sobre esse assunto!

Para saber mais sobre todos os produtos que citamos aqui, basta entrar em contato conosco que vamos te ajudar. Ah e não esquece de compartilhar o artigo com os amigos e curtir nossas redes sociais, assim você estará sempre antenado às novidades do mundo tecnológico.

Automatizador de portão: Tudo que você precisa saber para fazer a melhor escolha!

O crescimento uso do automatizador de portão no Brasil

O uso de automatizadores de portão vem crescendo a cada dia no Brasil. Dificilmente se encontra um condomínio, por exemplo, que não tenha os portões automatizados para trazer praticidade, agilidade e segurança aos moradores.

O crescimento deste mercado tem como principal motivo, comodidade e segurança aos usuários, pois se trata de uma tecnologia que apresenta funcionamento excelente.

Além disso a automatização de portões não para de ganhar melhorias, se tornando uma alternativa ainda mais eficaz com o passar dos anos.

Como foi criado o automatizador de portão?

O primeiro automatizador de portão foi criado no século I, por Heron de Alexandria, (10 d.C. – 70 d.C.) que era um engenheiro e matemático grego considerado um dos maiores pesquisadores e experimentadores na antiguidade. Ele ficou conhecido por seu feito de inventar o primeiro motor a vapor que nomeou de Eolípila.

Mas, também inventou o portão automático!

Os sacerdotes daquela época precisavam usar magia, mas só Heron podia fazer uma determinada “magica”, ele nomeou o “dispositivo magico” de máquina n°37, porém nós o conhecemos como portões automatizados.

Quando um sacerdote chegasse ao templo as portas se abriam “magicamente” para que ele pudesse entrar.

Era simples o funcionamento do método: Ao chegar ao templo o sacerdote acendia uma chama de fogo em um altar. Embaixo deste altar havia tubos, tanques e pesos.

Foto: Funcionamento do primeiro automatizador de portão

A evolução do automatizador

Sabemos que o primeiro portão foi criado há muito tempo e que estamos em constante evolução, com isso, claro que os motores de portão evoluíram para acompanhar a humanidade.

Com o avanço da tecnologia foram criados outros tipos de portões:

  • Deslizantes
  • Basculantes
  • Pivotantes

Independente do seu portão ser ou não automatizado ele tende a fazer um desses três movimentos.

De forma simples, o deslizante seria o modelo de “correr”, com abertura lateral. Esse modelo é mais usado em empresas e residências.

É um modelo que corre tanto para a direita, quanto para a esquerda.

Já o basculante é aquele que abre para cima. Ideal para lugares desprovidos de tanto espaço.

E por fim, os pivotantes são aqueles que abrem em um ângulo de 90°. O movimento é semelhante a portas convencionais onde o movimento de abertura é feito para dentro ou para fora.

Para cada modelo citado acima existem diversos modelos de automatizador de portão e a partir dessas informações podemos começar a definir qual é a melhor escolha a se fazer.

O que é preciso saber para escolher o automatizador ideal?

Em primeiro lugar devemos saber onde será a instalação para definir qual o melhor modelo. Ao contrário do que muitos pensam a potência do automatizador não é a única característica importante na hora da decisão.

Itens como engrenagens, rolamentos e quais materiais são utilizados na sua fabricação são fundamentais para a saber se o equipamento terá uma vida útil longa.

Por isso, precisamos fazer as seguintes principais perguntas:

  1. Qual o tamanho do portão em metros e quantos quilos ele tem?
  2. Qual será o pico de acionamento do automadizador de portão?
  3. Em quanto tempo é desejado que seja feita a abertura do portão?

Com essas respostas em mãos será possível identificar qual o melhor automatizador de portão para você.

O motor precisa possuir uma potência compatível com o peso do portão.

A potência é medida em HP, ou seja, cavalos.

As mais comuns utilizadas em residências e indústrias são: 1/2 HP, 1/3 HP e 1/4 HP.

A medida da potência é inversamente proporcional ao peso do portão.

Lançamento Intelbras aqui na VoiceData

Você já deve saber que aqui na VoiceData entregamos os principais lançamentos do mercado, e a nossa parceira Intelbras acaba de lançar vários modelos de automatizado de portões.
 A linha de automatizadores Strat oferece segurança com robustez, potência e qualidade, tudo isso com design diferenciado e a confiança que só uma marca com mais de 40 anos de mercado tem.

Foto: Automatizadores Intelbras

A Intelbras trouxe modelos para aplicações versáteis e que atendem diferentes projetos para dois dos três tipos de portão que foi apresentado neste artigo, sendo eles o deslizante ou basculantes.

Com fechamentos e aberturas mais velozes os automatizadores da linha Strat oferecem maior segurança, praticidade e agilidade.

Além de contar com protetores de surto integrados ao equipamento, evitando que o equipamento venha a queimar em um possível pico de carga elétrica, oferecendo mais durabilidade e economia, já que evita a troca frequente de peças.

Para ajudar em seu projeto a VoiceData, juntamente com a Intelbras oferece versões com base e engrenagem em nylon ou alumínio.

Oferecendo assim robustez e força.

Com modelos de automatizadores de portão que tem capacidade de 300kg até 1600kgs.

O modelo BC 500 FAST da linha Strat é um automatizador que tem a capacidade de 500kg, possui opção de braço acionador e entrega uma fácil programação por meio de leds, teclas e buzzer.

Além de abrir e fechar os portões de 2,20m (dois metros e vinte) em 4,8 segundos!

A linha Strat é compatível com o módulo Wifi da linha Izy (IGD 110), que permite o acionamento do portão via smartphone, deixando todo o controle na palma da sua mão.

Quais equipamentos são necessários para a instalação?

Agora que sabemos, o que é, como funciona, quais questionamentos fazer e marca recomendada, está na hora de sabermos quais são os equipamentos que devem ser utilizados na hora da automatização do seu portão.

Modelo BASCULANTE

Basicamente é utilizado o motor e o acionador.

Modelo DESLIZANTE

Neste modelo o kit é um pouco maior, contendo o motor, cremalheiras de acordo com o comprimento do portão, controles remotos de dois e quatro botões, e por fim o relé da linha Izy, IGD 110 que permite que seja controlado pelo smartphone, ou até mesmo pelo comando de voz Alexa.

Gostou de saber mais sobre automatizador de portão?

Conte para nós nos comentários o que achou das informações e caso queira mais dicas ou até mesmo adquirir o seu, entre em contato conosco que os melhores especialistas do mercado estarão a sua disposição.

A era dos dados: Entenda as tendências e prepare seu negócio!

Como preparar seu negócio com a tecnologia dos novos meios de pagamento

Segundo um levantamento do Instituto Locomotiva, divulgado pela Agência Brasil as compras feitas por meio de aplicativos cresceram 30% no país durante a pandemia.

De acordo com o estudo, quase metade (49%) das pessoas entrevistadas declararam que pretendem ampliar as compras por aplicativos após o fim da quarentena.

Um indício de que a aceleração no uso de novas formas de pagamento representa uma mudança de comportamento do consumidor, o que também reflete na mudança de estratégia para vendas e para o checkout no varejo.

Métodos como o Pix, pagamento por aproximação ou via aplicativo de mensagem trazem mais agilidade e eficiência ao mercado.

Cédulas, moedas e cartões de débito e crédito físicos for por muito tempo as principais formas do consumidor pagar por suas compras diárias.

Porém, com o aumento do uso de tecnologias no cotidiano, novos meios de pagamento ganham força e devem fazer parte da estratégia de diferentes negócios.

Com a atual orientação do distanciamento social o crescimento do comercio eletrônico impulsiona o uso de carteiras digitais, aproximação e métodos como o pix.
 
Além disso, o próprio comportamento do consumidor sofreu grandes mudanças nos últimos anos, exigindo processos cada vez mais rápidos e eficientes para realizar transações.

Avanços tecnológicos foram cruciais para a evolução das transações

Soluções de Conectividade: Essencial para o avanço da sua empresa

O aumento da oferta de serviços digitais, os novos meios de pagamento e o crescimento do comércio eletrônico não seriam possíveis sem os avanços tecnológicos dos últimos anos. 


Em primeiro lugar, a grande viabilizadora de toda a transformação digital é a conectividade.

Já que sem acesso à internet seja fixa ou móvel, os métodos de pagamento mais recentes não poderiam ser utilizados em lojas online ou pontos de vendas. 

E também, no comércio eletrônico, por exemplo, a velocidade do processo de compra é algo que impacta diretamente na experiência do consumidor. 

Sendo assim, contar com uma troca de dados rápida e de alta disponibilidade pode ser o diferencial que o seu negócio tanto precisa para se destacar. 


Nesse sentido, a iminente chegada do 5G é outro fator que traz grandes expectativas para os negócios. A conexão de quinta geração terá latência abaixo de 1 milissegundo e uma taxa de transmissão de até 20 Gbps.

Essa melhoria na conectividade também impactará outras importantes tecnologias que auxiliam nos métodos de pagamento, como a Cloud.

No cenário de digitalização, os serviços em nuvem ficaram em alta por trazer opções de eficiência de custos. Isso porque permitem que grandes despesas de capital (Capex) sejam substituídas por despesas operacionais (Opex) com assinaturas mensais.

Muitas carteiras digitais, inclusive, utilizam esse ambiente escalável para armazenar dados de forma segura, com criptografia e autenticação de dois fatores.

Por fim, vale ainda citar inovações como a Internet das Coisas (IoT) e o Big Data. Estas têm papel importante tanto na personalização de serviços, quanto na identificação do usuário, via localização ou comportamento.

Com soluções modernas, diversas e escaláveis, estamos no centro da transformação digital vivida atualmente.

E isso vai desde a disponibilização de conectividade a cada vez mais pessoas e negócios, até a implementação de ferramentas que ajudam na tomada de decisões, seja nas grandes cidades ou no campo.

E ai, ficou com curioso e com vontade de se atualizar para essa nova era? Entre em contato que vamos te ajudar!

Case de sucesso Intelbras – VoiceData e Águia de Ouro.

Produtos foram instalados em todos os carros que desfilaram pela tradicional escola de samba de São Paulo

Imagem carro alegórico Águia de Ouro 2019

Carro alegórico da Águia de Ouro em desfile de 2019

Águia de Ouro, escola de samba paulistana, em parceria com a distribuidora VoiceData, que instalou produtos Intelbras, estão trazendo inovação para o Carnaval Paulista. Para deixar o desfile ainda mais seguro e otimizar o tempo da escola durante sua passagem, foram instaladas câmeras de monitoramento e DVRs* da Intelbras nos seis carros da escola de samba que desfilarão na madrugada de domingo (23/02) no Sambódromo do Anhembi (SP). As imagens geradas serão utilizadas pelos motoristas para guiar os veículos. A Águia de Ouro é a única escola do carnaval da cidade de São Paulo a contar com este tipo de inovação.

“Antes das câmeras, dependíamos exclusivamente dos merendeiros (profissionais que ajudam a empurrar os veículos) e dos motoristas para guiar os carros alegóricos. Era na base visual e no grito. Agora, com o uso dos equipamentos aliado à competência e experiência dos nossos profissionais, o desfile da Águia de Ouro estará ainda mais seguro e eficiente. Temos certeza que a tecnologia nos auxiliará também a deixar a nossa apresentação mais fantástica e precisa”, afirma Sidnei Carriuolo, presidente da Águia de Ouro.

Essa é a primeira vez que câmeras de segurança são instaladas em carros alegóricos no carnaval de São Paulo, com o intuito de orientar e facilitar o trabalho dos motoristas. Ao todo são seis DVRs (um para cada carro) e 24 câmeras da Intelbras – sendo quatro instaladas em cada veículo – além de monitores para os motoristas verificarem as imagens de dentro do caminhão e monitores na parte externa de cada veículo.

“A parceria Águia e VoiceData está só começando, ainda vai longe, temos ideias bem impactantes e muitas inovações. A união das famílias Águia e Voice com os produtos de primeira linha da Intelbras, aliados ao material humano riquíssimo, tradição, garra e o amor à camisa”, finaliza Mário Dourado sócio da VoiceData.

*A função do DVR, além do armazenamento de gravações, é permitir o monitoramento a distância através do acesso a informações em tempo real da localização e imagens audiovisuais dos fatos ocorridos no momento exato da transmissão. Mais informações sobre o produto e os seus benefícios: https://bit.ly/37CXS8g

Fonte: https://www.intelbras.com/pt-br/case/carros-da-aguia-de-ouro-entram-na-avenida-mais-tecnologicos-cameras-guiam-os-motoristas

COMUNICAÇÃO REMOTA: AUMENTE A PRODUTIVIDADE DA EQUIPE!

O trabalho remoto veio para ficar, isso é um fato. No Brasil, por mais que algumas organizações já o adotassem permanentemente e outras esporadicamente, eram poucas, a minoria, e essa definição partia de uma deliberação das empresas aderirem ou não a esse esquema de trabalho. Com a COVID-19, essa prática passou a ser adotada por boa parte das organizações cujo segmento do negócio permitia.

Investir em soluções de tecnologia que colaboram com uma gestão eficiente das equipes passou a ser ainda mais importante diante do cenário de pandemia. Isso porque essas ferramentas ajudam a evitar problemas na comunicação remota.

Levando em conta que as empresas devem manter o regime de home office daqui para frente, apostar em um serviço que integre os canais de comunicação passa a ser uma necessidade urgente.

Quer entender por quê? Então continue a leitura!

A tecnologia deve ser a solução e não a causa dos problemas de comunicação

Tanto as organizações quanto pessoas no mundo inteiro foram pegas de surpresa pela pandemia, sendo assim, foram obrigadas a se adaptar de uma hora para outra. Esse processo de adaptação ao “novo normal” incluiu a adoção de várias soluções de comunicação remota.

Na VoiceData temos a solução unificada para cada perfil, possibilitando a troca de informações entre colaboradores e supervisores, sendo assim, recorrendo às múltiplas plataformas para fazer ligações, videoconferências e enviar mensagens, pois além de facilitar o dia a dia dos colaboradores e tornar a comunicação mais assertiva, esse tipo de plataforma serve de apoio para as análises e acompanhamento das equipes remotas.

Temos diversas soluções e pensando nesse cenário, a Intelbras apresenta a linha Home Office Pro, que inclui roteadores corporativos e switches. Com eles você vai ter na sua casa a mesma experiência e qualidade de conexão que uma empresa já possui.

Portanto, não deixe que a tecnologia se torne um obstáculo. Invista em soluções que ofereçam os recursos necessários para garantir a produtividade dos colaboradores nessa nova realidade.

Sociedade 5G: O Futuro é agora

A chegada do 5G tem dado o que falar, a geração de redes banda larga veio para deixar o compartilhamento de dados mais velozes,  estima-se que chega até 20 vezes mais rápido que o 4g que conhecemos e utilizamos atualmente, com a promessa de revolucionar a tecnologia.

A dúvida que não quer calar, não podemos usar o 5G hoje? Infelizmente ainda não, pois, nossas redes não estão preparadas, O 2G foi projetado para voz, o 3G para dados e o 4G para aplicações de grande fluxo de dados, como streaming de música e vídeo. O 5G precisa ser mais eficiente para dar conta não necessariamente de uma enorme quantidade de dados, mas de um enorme número de dispositivos conectados.

Um dos aspectos mais emocionantes e cruciais da tecnologia 5G é o seu efeito na Internet das Coisas. A vice-presidente corporativa da Intel, Aicha Evans, ressalta a questão da eficiência: “O 5G deixará a internet das coisas muito mais eficiente e eficaz se pensarmos em um espectro de eficiência.  Cada aparelho e rede criados com base na internet das coisas utilizará apenas o que for necessário e quando aquilo for necessário, sempre na medida exata, em vez de simplesmente consumir o que estiver disponível”.

Imagine que alguns dispositivos com acesso à rede 5G possam atingir taxas de até 10 GBps de download, isso melhorará a conexão de seu dispositivo mobile, possibilitando assim, um acesso mais rápido aos diapositivos de sua residência, como, câmeras, alarmes, fechaduras e ainda sim, facilitar a conexão de uma casa inteligente, que por sua vez será toda sem utilização de fios.

As expectativas para a revolução seguem, pois, a nova geração está chegando para fazer a mudança em nossas comunicações e transmissões. As empresas de tecnologia já estão bastante empenhadas no desenvolvimento do 5G. A VoiceData em parceria com a empresa VIVO está em vigor com a internet 4.5, que por sua vez é muito eficiente. Todos os clientes Vivo que utilizam a tecnologia 4G e tenha um aparelho com chip compatível ao 4.5G, contará com a internet 4.5G sem nenhum custo extra

Acesse o link a baixo e saiba mais sobre o 4.5G https://www.vivo.com.br/para-voce/por-que-vivo/qualidade/5g

Sem dúvidas podemos apostar e investir nessa tecnologia, pois ira impulsionar diversos segmentos, portanto, apertem os cintos e se preparem para a oficialização da chamada geração da conectividade!

ATENÇÃO: “ O GOSTO AMARGO DA BAIXA QUALIDADE DURA BEM MAIS DO QUE A DOÇURA DO PREÇO INFERIOR ” – ENERGIA SOLAR NÃO É TUDO IGUAL

Diante do boom da energia solar claramente evidente agora, com aproximadamente 430.000 sistemas fotovoltaicos instalados (e aumentando a cada dia) no Brasil entre micro e minigeração distribuídas, tornou-se mais crucial conhecer (e evitar) as armadilhas mortais da “energia solar barata”. A energia solar fotovoltaica está bem documentada e comprovadamente gera grandes benefícios desde financeiros até ambientais.

Mas cuidado! Não deixe que você seja enganado!

Num post anterior do Blog (“Confie, mas verifique”) já coloquei uma pergunta para reflexão:

Você compraria um carro na concessionária na pura e simples base que é o mais barato no mercado? Independentemente de algum defeito que você possa ter notado?

Acredito que a sua resposta seja NÃO. Isso não faz sentido para a aquisição do seu sistema solar e este carro pode (literalmente) deixá-lo no meio da estrada mais cedo ou mais tarde.

SE PARECE BOM DEMAIS PARA SER VERDADE, PROVAVELMENTE NÃO É VERDADE!

Comprar uma solução de energia solar pode ser um momento empolgante para muitas pessoas, mas, como com qualquer investimento, você precisa ter muito cuidado com quem você negocia e quais equipamentos estão lhe oferecendo.

Desta forma, como em qualquer setor, o da energia solar tem sua parcela de partes inescrupulosas que têm pouco interesse na tecnologia, nos benefícios ambientais e em atender suas necessidades. Eles estão apenas perseguindo seu dinheiro – e eles serão implacáveis ​​ao fazê-lo. Basicamente, o velho ditado “se parece bom demais para ser verdade, é mais provável que não seja verdade“ se aplica muito à compra de uma solução de energia solar fotovoltaica.

Por isso, enumeramos alguns pontos importantes para você evitar uma história de terror com seu sistema solar fotovoltaico.

1.Fique atento as estimativas de geração de energia dos orçamentos recebidos

Muito provavelmente você receberá propostas com estimativas de geração de energia diferentes. Essas diferenças poderão estar relacionadas com a tecnologia proposta para os módulos fotovoltaicos e inversores, também a sua localização, a inclinação e orientação do seu telhado e aos dados de radiação solar utilizados. Desconfie de orçamentos que ofereçam uma estimativa de geração muito acima dos demais ou economias não coerentes, isso pode estar ligado à falta de experiência da empresa no mercado (sem sistemas instalados na sua localidade), ao uso de métodos de cálculos não corretos para estimativa ou querendo criar uma vantagem que não existe.

2.Compare “Maçãs com Maçãs e Bananas com Bananas”

Por exemplo, uma empresa pode usar painéis solares de alta qualidade, mas economizar no inversor de frequência, nos condutores e dispositivos de proteção elétrica na esperança de que o nome do fabricante do painel ofusque você e você ignore os outros componentes. Ao comparar sistemas fotovoltaicos, faça isso de forma componente por componente – e faça perguntas sobre por que a marca X é melhor que a marca Y – onde há diferenças. Existem hoje no mercado diferentes tecnologias como: microinversores, otimizadores de energia e os inversores string convencionais aprenda as diferenças sobre as mesmas para sua escolha.

Outro ponto muito importante é relativo as estruturas de fixação dos painéis solares. Componentes feitos de materiais impróprios corroem ao longo do tempo e podem eventualmente falhar, causando graves danos nos painéis e no telhado. Por estas razões, as melhores práticas para instalações solares incluem o uso de painéis em alumínio e de combinações com suportes de alumínio ou aço inoxidável. Quase todos os elementos de fixação (por exemplo, porcas, parafusos e arruelas) são de aço inoxidável para evitar corrosão e enfraquecimento ao longo do tempo.

3.Fique atento para as garantias dos equipamentos

Existem diversos fabricantes no mercado e os mesmos oferecem diferentes prazos de garantia. Além do período compreendido para a garantia verifique se o fabricante/fornecedor tem tempo de mercado e estabilidade para no futuro estar presente se você precisar.

Sistemas fotovoltaicos com microinversores e otimizadores de energia, por exemplo, possuem maiores garantias de seus fabricantes, são mais seguros, comprovadamente geram mais energia e tem monitoramento aprimorado com inúmeras funções a mais que os inversores string de parede convencionais, por isso um custo maior de investimento inicial mas com retornos muito mais rápidos e seguros no longo prazo.

– Tecnologia MLPE: Composta por microinversores e otimizadores de energia possuem garantias maiores a partir de 12 anos e 15 anos, com opcional de extensão da garantia para 20 ou 25 anos.

– Tecnologia String / De Parede / Convencional: os inversores tem garantias a partir de 5 até 7 anos.

4.Verifique e avalie a qualificação da empresa de energia solar

Investigue quantos sistemas solares fotovoltaicos esta empresa já projetou e instalou na sua região e qual a qualificação da sua equipe. Peça a indicação de clientes já atendidos e se achar necessário tire dúvidas sobre a instalação e o pós-venda com os clientes desta empresa. Empresas qualificadas recebem boas avaliações de seus clientes. Opte por empresas da sua região ou com capacidade comprovada para lhe atender independente da distância.

5.Cuidado com as letras pequenas no contrato

Algumas empresas usam componentes de qualidade como isca, anunciando painéis solares certificados e TIER 1 e inversores de alta performance e qualidade, genuínos. Também elas colocam em suas condições de venda que se reservam o direito de trocar o inversor e painéis por ‘equivalentes’. Então, elas instalam um inversor e painéis realmente baratos ou cobram valores extras por estes equipamentos de qualidade. Cuidado com as empresas que não vão dizer-lhe que marca de painéis solares e inversor você irá receber.

6.Acompanhe o quanto for possível todas as etapas do processo

Confirme na entrega dos equipamentos se estão de acordo com a potência e marcas prometidas. Se o layout e o local de instalação seguiram o projeto que você aprovou. Se a regularização do seu sistema atendeu as normas e regulamentos da concessionária. Exija o que lhe foi prometido.

7.Serviço de má qualidade

Quando um custo significativo é cortado da própria instalação, geralmente há um sinal muito claro de que em algum lugar este valor foi retirado. Durante a instalação, os preços mais baixos podem ser atribuídos a terceirizados de má qualidade ou a trabalhadores inexperientes. Se o seu sistema não for instalado por uma equipe profissional, habilitada e qualificada, há uma grande variedade de coisas que podem dar errado com uma instalação devido à natureza complexa desses sistemas. Quando algo dá errado, a despesa envolvida em descobrir onde a falha se encontra pode custar tempo e dinheiro significativos. Se instalado corretamente na primeira vez, isso nunca será um problema.

8.Risco de Incêndio

A energia solar fotovoltaica é uma tecnologia segura e confiável, mas se você comprar o sistema solar mais barato que puder encontrar, há uma chance maior de o instalador cortar os custos na qualidade dos componentes elétricos. É isso que acontece quando as coisas dão errado.

9.Quais são os canais de comunicação da empresa

Você conhece as formas de contatar a empresa de energia solar responsável por sua instalação, se ela tem escritório ou loja física, telefone, e-mail, canais de atendimento. Cuidado com empresas de fundo de quintal ou que só existem no mundo virtual.

10.Faça o seu dever de casa, você é o Juiz

Como qualquer outro investimento é importante que você enumere estes e outros pontos que achar importante para sua tomada de decisão. Após fazer uma análise dos equipamentos e da empresa que realizará sua instalação solar você estará pronto para fazer uma escolha inteligente de gerar sua própria energia elétrica.

Adquirir o sistema mais barato pode afetar seus retornos

Além de reduzir as emissões de carbono, a maioria dos proprietários compra um sistema fotovoltaico solar para economizar nas contas de eletricidade. Como os períodos de retorno para sistemas fotovoltaicos podem ser de 3 a 5 ano , pode demorar alguns anos antes que você consiga embolsar diretamente qualquer economia.

Portanto, o seu sistema fotovoltaico solar essencialmente só economizará dinheiro se continuar a funcionar após o período de retorno do investimento. Embora a compra de um sistema de boa qualidade possa custar mais caro no início, você tem a tranquilidade de que ele continuará a funcionar e a economizar dinheiro por muito tempo no futuro. Também é importante observar que a maioria dos sistemas mais antigos não podem ser reparados porque os componentes não estão mais disponíveis. Portanto, não será um reparo barato, mas uma substituição completa, anulando completamente qualquer economia que você possa ter feito a curto prazo.

PORQUE VOCÊ NÃO DEVE COMPRAR O SEU SISTEMA SOLAR FOTOVOLTAICO APENAS POR ELE TER O PREÇO MAIS BARATO DISPONÍVEL NO MERCADO

Quando as empresas cortam custos nos componentes dos sistemas fotovoltaicos, aumentam o risco de ocorrência de falhas, bem como reduzem o desempenho do sistema; o que, por sua vez, significa menos economia para você. Por mais terrível que pareça, algumas empresas fazem isso intencionalmente. Quando eles recebem uma onda de reclamações de garantia que a empresa não pode suportar, eles fecham suas portas e deixam centenas de sistemas “órfãos”.

O ditado: “O gosto amargo da baixa qualidade dura bem mais do que a doçura do preço inferior”, soa especialmente verdadeiro no mercado solar.

Quando se trata de adquirir um sistema de energia solar fotovoltaico comprar marcas de boa qualidade de uma empresa respeitável é uma das decisões de compra mais importantes que você fará. É por isso que recomendamos que você escolha produtos de qualidade, vá com uma empresa de energia solar com uma reputação confiável e que ofereça suporte de garantia total, serviço, monitoramento do sistema e um preço justo (ao invés de barato).

Se você tiver mais duvidas referente ao sistema de energia solar, nós da VoiceData temos todo suporte, disponibilizamos treinamento para certificação de ENERGIA SOLAR capacitando instaladores da melhor forma. Se você deseja investir neste serviço, entre em contato conosco. Tel: 2101-4600

Fonte: https://microgeracaofv.wordpress.com/2021/03/27/atencao-o-gosto-amargo-da-baixa-qualidade-dura-bem-mais-do-que-a-docura-do-preco-inferior-energia-solar-nao-e-tudo-igual/

Automação residencial é o uso da tecnologia para facilitar e tornar automáticas algumas tarefas habituais que em uma casa convencional ficaria a cargo de seus moradores, ajudam na gestão e execução de tarefas domésticas cotidianas. “Ambientes Inteligentes”, ambientes capazes de autogerenciamento e disposição de recursos através de diversas interfaces para o usuário, proporcionando hoje em dia, […]